Este artigo é para os nossos seguidores “não brasileiros” que desejam atuar como médico no Brasil e também para os brasileiros que tem dúvidas sobre o Exame Revalida. Recebemos com frequência dúvidas sobre “Quem pode participar do exame Revalida?”, caso você tenha dúvidas e quer saber mais, continue lendo.

  1. Quem pode fazer o Revalida?

TODOS os diplomados em medicina no exterior, brasileiros e estrangeiros, caso preencham os requisitos do exame, podem prestar o Revalida.

2.      Quais os requisitos mínimos necessários para participar do Revalida?

Há quatro requisitos básicos para a participação:

– Ser brasileiro ou estrangeiro em situação legal de residência no Brasil e;

– Ser portador de diploma médico expedido por instituição de ensino superior estrangeira, reconhecida no país de origem pelo seu ministério da educação ou órgão equivalente, e; autenticado pela autoridade consular brasileira e;

Ter registro no Cadastro de Pessoas Físicas – CPF, emitido pela Recita Federal do Brasil e;

Enviar imagens do diploma, frente e verso, tal como solicitado pelo sistema de inscrição.

3. Como é realizada a inscrição das provas?

A inscrição é realizada pela internet, e o pagamento das taxas (por meio de boleto emitido eletronicamente) são suficientes para a realização das provas. É imprescindível enviar arquivo com o diploma digitalizado, frente e verso (pdf), tal como solicitado pelo sistema de inscrição.

4. Não tenho diploma, posso me inscrever com um Certificado, Plano de Estudos, etc.?

O único documento aceito e previsto em edital é o diploma original médico expedido por instituição de ensino superior estrangeira, reconhecida no país de origem pelo seu ministério da educação ou órgão equivalente, e autenticado pela autoridade consular brasileira. Qualquer outro documento não substitui o diploma solicitado.

5. Quem fez as provas escritas da 1ª etapa será automaticamente convocado para a prova de habilidades clínicas da 2ª etapa?

Não. É preciso ter sido aprovado na primeira etapa (prova teórica) para fazer a segunda (prova de habilidades clínicas).

Estas 5 perguntas respondida são bem frequentes, sendo importante conhecê-las. Vamos destacar em especial a número 4 (Não tenho diploma, posso me inscrever com um Certificado, Plano de Estudos, etc.?), se você ainda é estudante fique atento para a importância em ter o diploma, evite passar pelo transtorno de ser impedido de participar do exame por não ter o diploma em mãos.

Fonte: revalida.inep.gov.br

Este artigo ajudou você de alguma forma? Comente abaixo quais dessas 5 perguntas você tinha dúvidas. Grande abraço e até o próximo artigo.

Visit Us On FacebookVisit Us On InstagramVisit Us On Youtube